quinta-feira, 27 de outubro de 2016

OS AMERICANOS NÃO PERDERAM A GUERRA DO VIETNÃ.

OS AMERICANOS NÃO PERDERAM A GUERRA DO VIETNÃ. Se retiraram após um acordo de paz, que os Vietcongs desrespeitaram e o presidente Nixon, PRESSIONADO acatou a traição sem nenhuma reação. O Acordo de Paris para o Fim da Guerra e Restauração da Paz no Vietnam foi assinado em 27 de janeiro de 1973 pelos governos da República Democrática do Vietnam (Vietnam do Norte), a República do Vietnam (Vietnam do Sul) e os Estados Unidos, além do Governo Revolucionário Provisório (PRG) que representou os revolucionários sul-vietnamitas. O acordo estabelecia a paz no Vietnam e acabava com a guerra e pôs fim à intervenção direta dos EUA  e estabeleceu uma trégua temporária nos combates entre o Norte e o Sul. Os principais negociadores em Paris foram o Conselheiro de Segurança Nacional dos Estados Unidos Henry Kissinger e o norte-vietnamita Le Duc Tho. Os dois homens foram agraciados com o Prêmio Nobel da Paz daquele ano, por seus esforços em negociar um fim para a Guerra do Vietnã, apesar de Tho se recusar a recebê-lo, alegando que a paz completa não havia sido conseguida. O documento começava com a declaração do governo dos Estados Unidos, de que ele 'respeitaria a independência, soberania, unidade e integridade territorial do Vietnã, como reconhecidos pela Conferência de Genebra de 1954.Os principais itens militares e políticos do acordo foram:Começando em 27 de fevereiro de 1973 haveria um cessar fogo completo e as forças sul e norte-vietnamitas se manteriam em suas posições.Assim que o cessar fogo  entrasse em vigor, as tropas norte-americanas e estrangeiras no Vietnã começariam a se retirar, com esta retirada se completando em sessenta dias. Simultaneamente, os prisioneiros de guerra de ambos os lados começariam a ser libertados e os restos mortais de soldados mortos em poder do inimigo, teriam a assistência das duas partes para a repatriação.Haveria negociações entre as duas forças políticas do Vietnam do Sul - o governo da República do Vietnã e o vietcong (Frente de Libertação Nacional), para que o povo do Vietnam do Sul pudesse escolher seu destino em eleições livres.A reunificação do Vietnam seria levada adiante passo a passo por meios pacíficos.OS COMUNISTAS TRAÍRAM O ACORDO ,pois  jamais aceitariam  um acordo prevendo eleições  e mataram mais de 200 mil Sul Vietnamitas depois do acordo.

sexta-feira, 14 de outubro de 2016

QUEM MANDA NO BRASIL SÃO OS SERVIDORES ESTABILIZADOS.

O Brasil tem uma classe que se aproveita de todo o setor privado. É o estamento estatal, que tomou conta do governo. O CORPORATIVISMO É O DONO DO GOVERNO. Esse corporativismo está se defendendo de maneira brutal porque não foi exposto. É preciso que o governo vá à televisão para dizer ''OLHA ,PRESTE ATENÇÃO, VOCÊ TEM UMA APOSENTADORIA DE 500 REAIS, MAS ESSE SUJEITO AQUI ESTÁ RECEBENDO 50 MIL POR MÊS''. É preciso dizer: "Vocês estão vendo quem manda no Brasil. É o estamento estatal, que está exigindo aumentos todo dia. O Brasil está em recessão, tem gente desempregada, todos tiveram redução da sua renda. Eles se recusam a participar, porque são proprietários do poder". O Brasil é vítima de um corporativismo estatal que se apropriou de Brasília. Quando você vai votar qualquer coisa no Congresso é fácil encher as galerias, porque eles estão recebendo como se estivessem trabalhando. é É PRECISO QUE O GOVERNO VÁ À TELEVISÃO E DIGA QUE O BRASIL É UM PAÍS INJUSTO, SIM,NÃO APENAS POR CAUSA DAS CONDIÇÕES OBJETIVAS, MAS PORQUE FOI APROPRIADO PELO CORPORATIVISMO ESTATAL.
Delfim Netto.
O que o ex-ministro Delfim ainda não enfrentou foi a defesa dos mandões, eles são, acima de tudo, CÍNICOS e chamam de ''frustrados'' e ''invejosos'' os infelizes que pagam as contas desta zona cheia de rufiões e proxenetas.

terça-feira, 11 de outubro de 2016

A emenda que não emendou nada.

Mas, muitos anos depois nossos parlamentares, resultado de muitos estudos e debates, finalmente, regulamentaram o Art.6º.
Eis o texto: EMENDA CONSTITUCIONAL Nº 90, DE 15 DE SETEMBRO DE 2015
Dá nova redação ao art. 6º da Constituição Federal, para introduzir o transporte como direito social.
As Mesas da Câmara dos Deputados e do Senado Federal, nos termos do art. 60 da Constituição Federal, promulgam a seguinte Emenda ao texto constitucional:
Artigo único. O art. 6º da Constituição Federal de 1988 passa a vigorar com a seguinte redação:
"Art. 6º São direitos sociais a educação, a saúde, a alimentação, o trabalho, a moradia, o transporte, o lazer, a segurança, a previdência social, a proteção à maternidade e à infância, a assistência aos desamparados, na forma desta Constituição.
Brasília, em 15 de setembro de 2015.
Viram só?
A nova redação é uma cópia fiel do texto que a emenda pretendia mudar

domingo, 2 de outubro de 2016

TOCANTINS GASTA 92% DOS RECURSOS DA SAÚDE COM SALÁRIOS.DE PESSOAL.

ALÔ TEMER. ALÔ MEIRELLES, ALÔ, ALÔ. Os servidores da saúde do Tocantins ficam com 92% da verna da saúde. Isso pode???Ser médico em Tocatins é o melhor negócio do mundo. De um total de 1200 médicos, 110 ganham mais de 40 muil por mês, 64 ganham mais de 50 mil e um felizardo leva mais de 70 mil reais. E estão em greve! O SUS manda 80 milhões por mês para o Tocantins ,mas. 92% desta verba, 73.6 milhões é destinado ao pagamento de pessoal, sobrando 4.4 milhões para a população.
Dos 80 milhões de reais enviados pelo SUS, 472 Marajás ficam com 23% (22,4 milhões de reais.)
Assim nem Jesus na causa.

VOCÊ NÃO SABIA NADA DISSO, NÃO É? Pois saiba então.

O Rio Grande do Sul jamais reelegeu um governador depois de 1964, e está falido, não consegue pagar o funcionalismo e quer quer mais dinheiro da União para cobrir seus gastos, que SE TRANSFORMARAM NUMA ORGIA. – Mas sustenta cada um dos ex-governadores com vencimentos reservados à elite do funcionalismo. Graças a uma lei que tem sido questionada na Justiça, todo mês o combalido Tesouro estadual deposita nas contas de ex-mandatários e viúvas R$ 30.471,11 para cada um ex-governador ou suas viúvas.  Mas há um caso que é ESCANDALOSO que envolve Marília Guilhermina Pinheiro, que foi companheira de Leonel Brizola por 11 anos. Além de receber pensão no RS, ela obtém benefício do Estado do Rio de Janeiro, também governado por Brizola. A remuneração total passa de R$ 52 mil mensais.

Índios matam crianças que nascem com problemas de saúde

Você acha certo matar crianças recém-nascidos por causa de alguma deficiência física? Pois saiba que isso acontece no Brasil e não é crime....