terça-feira, 15 de dezembro de 2015

O MESTRE E A FARSA COMUNISTA.

O ator Mário Lago, comunista até a morte, ensinava aos novatos: Primeiro procure ser preso e “quando sair da cadeia, diga que foi torturado. Sempre.” A pior coisa que podia nos acontecer naqueles “anos de chumbo” era não ser preso. Ser preso dava currículo, demonstrava que éramos da pesada, revolucionários perigosos, ameaça ao regime, comunistas de verdade! Sair dizendo que tínhamos apanhado, então! Mártires, heróis, cabras bons.
Era tudo mentira, mas para um revolucionário comunista, a verdade é um conceito burguês, Lênin ensinou tudo na cartilha..

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A NOVA MODALIDADE DE TRANSPORTE NO RIO.

Este equipamento, um submarino, será o meio de transporte doravante em dias de chuva intensa no Centro do Rio. A foto mostra o exemplar ope...