quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

A PRAGA CORPORATIVISTA.

Ou o Brasil acaba com as saúvas ou estas acabam com o Brasil, dizia-se em tempos passados.  Atualmente pode-se aplicar o princípio às poderosas corporações que se articulam para auferir vantagens  em detrimento da sociedade. Na idade média e até mesmo na Itália de Mussolini estas corporações já existiam e dominavam as profissões e os cargos disponíveis no aparato estatal. As profissões só poderiam ser exercidas pelos membros destas seitas sagradas. No Brasil  atual, a ação desses grupos se expandiu no PETISMO que proporcionou altos salários e super aposentadorias para seus afiliados ,os quais formavam, e formam, uma milícia que mantem o partido no poder. Veio então, como não poderia deixar de ser a corrupção sistêmica, e com ela a falência do tesouro. Toda esta orgia acaba prejudicando os pobres, os verdadeiros trabalhadores. A nação precisa urgentemente despertar desta letargia e reagir fortemente contra essa realidade nojenta e cruel e acabar de vez com os estragos desses grupos privilegiados. Acabar com essa praga é fundamental.

segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

A PERDA DA VIRGINDADE NÃO ANULA MAIS CASAMENTO.


A perda da virgindade feminina não é mais motivo para anulação de casamento.De acordo com o antigo código civil era possível se pleitear no judiciário a anulação do casamento em casos onde o marido descobria posteriormente que sua esposa não era mais virgem. Era usado o dispositivo que consta no artigo 1557, I do nosso código que diz respeito ao erro essencial sobre a pessoa do outro conjugue. No entanto, esta lei fere o princípios Constitucional do Art.5º, que coloca como iguais para todos os efeitos, o homem e a mulher. SENDO ASSIM, EM NOSSOS DIAS, A MULHER TEM A MESMA LIBERDADE SEXUAL QUE O HOMEM, INCLUSIVE FORA DO CASAMENTO.
Diante disso, no Rio já há casas de prostituição de homens(Zonas) que atuam como ''profissionais do sexo'' que  antigamente chamávamos de PUTAS,onde as mulheres, casadas, solteiras, menores , podem frequentar e mediante pagamento, transar com quem escolher e sem dar satisfações a ninguém.

sábado, 21 de janeiro de 2017

A MAIOR CHACINA DA GUERRA DO VIETNÃ.

No dia   16 de março de 1968 um pelotão da  11ª Brigada de Infantaria do Exército Americano , adentrou à aldeia de May Lai, no Vietnã para abater guerrilheiros Vietcongs que estariam refugiados no local . A tropa  comandada por´um um jovem 2º tenente chamado  William Calley, rumou para o local com muito ódio, pois muitos soldados dessa unidade haviam sido mortos ou feridos em combates, nos dias anteriores pelos guerrilheiros. Quando a tropa  entrou na aldeia, o tenente Calley  ordenou: "É O QUE VOCÊS ESTAVAM ESPERANDO; VAMOS DESTRUIR TUDO. Vamos limpar My Lai. A aldeia  era considerada um ninho dos combatentes Vietcongues "As ordens eram para matar tudo o que se mexesse. Sob o comando de Calley, o pelotão não poupou ninguém. Em apenas quatro horas, mataram os animais, queimaram as choupanas, violaram e mutilaram as mulheres, assassinaram homens e trucidaram as crianças. No final do derramamento de sangue, havia 504 cadáveres , em sua grande maioria idosos, mulheres e crianças , todos desarmados e assassinados a sangue frio.   .O massacre só foi interrompido graças à iniciativa heroica do piloto de helicóptero, Hugh Thompson, Jr., que vendo do alto a matança, pousou o aparelho e ameaçou atirar com as metralhadoras de sua própria aeronave contra os soldados americanos.O tenente Willian Callei era, como civil, antes de ser convocado para a guerra ,apenas um garoto que amava os Beatles e os Rolings Stones A guerra, no entanto, o transformou num dos maiores assassino do Século XX. O Tenente Willian Callei, de apenas 26 anos foi condenado a prisão perpétua como criminoso de guerra. Mas, 2 dias antes de renunciar,em agosto de 1974,  o presidente Richard Nixon deu-lhe o perdão ( ele tinha este poder) livrando-o para sempre da prisão. 
A Aldeia era mesmo um esconderijo dos guerrilheiros Vietcongs que eram cruéis com os soldados Americanos e eles se misturavam com a população civil transformando-se em simples camponeses inocentes e os idosos e crianças eram usados com esta finalidade estratégica, na qual os Americanos acreditavam e caíam na armadilha. Era a chamada ''guerra revolucionária'' contra inimigos poderosos.

Índios matam crianças que nascem com problemas de saúde

Você acha certo matar crianças recém-nascidos por causa de alguma deficiência física? Pois saiba que isso acontece no Brasil e não é crime....